Blog

Fotobiomodulação: uma terapia do futuro, acessível hoje.

Atualizado: 7 de Mar de 2019

Por: Prof. Dr. Marcelo Sousa, PhD


Fotobiomodulação Terapêutica (FBMT), também conhecida em inglês como Low Level Laser Therapy, tornou-se um dos campos de mais rápido crescimento da Medicina. Anteriormente considerada na arena de “medicina alternativa e complementar", agora passa por uma completa reavaliação e emerge como um corpo de conhecimento na área de saúde alicerçada em bases científicas sólidas. As razões para esta mudança notável se devem a novas evidências e mecanismos de ação descobertos em centros de excelência na ciência mundial. As pesquisas em Fotobiomodulação foram compilados e publicados no Handbook of Low Level Laser Therapy, de autoria do Dr. Michael Hamblin (Harvard Medical School), Dr Marcelo Sousa (Bright Photomedicine) e Tanupriya Agrawal (Welman Center for Photomedicine).


Mitocôndria, a organela que absorve luz e transforma em energia.

Nos últimos 5 anos tivemos avanços substanciais na compreensão dos mecanismos de ação, ou seja, hoje sabemos como a Fotobiomodulação Terapeutica funciona. Por isso, já não precisamos contar com comentários vagos sobre “vibrações da luz” e sobre as células "que se alimentam de luz". Agora entendemos muitos dos mecanismos moleculares de absorção de fótons, sabemos que reações bioquímicas são desencadeadas no interior de organelas celulares como resposta à absorção de luz.


Conhecemos as reações bioquímicas decorrentes como elas levam a efeitos em tecidos, órgãos e até efeitos sistêmicos carreados pela circulação ou sistema nervoso periférico. Especificamente a tese de do Dr. Marcelo Sousa recebeu menção honrosa no prêmio Capes de melhores teses por explicar esses mecanismos associados ao tratamento de dor usando Fotobiomodulação.

0 visualização

bright photomedicine ® 2020